[RESENHA] Como Se Livrar De Um Vampiro Apaixonado

06:42 1 Comments A+ a-


COMO SE LIVRAR DE UM VAMPIRO APAIXONADO
Autora: Beth Fantaskey
ISBN: 9788599296905
Editora: Sextante/Arqueiro
Vol. 1

- cedido em parceria com a editora -

SKOOB | Compre na SARAIVA
Casar-se com um vampiro certamente não estava nos planos de Jessica Packwood para seu último ano escolar. Mas quando um novo aluno esquisitão (e muito gato) chamado Lucius Vladescu aparece do nada, dizendo que Jessica pertence à realeza vampírica e está prometida em casamento a ele, futuro líder do clã mais poderoso dos vampiros, ela é obrigada a rever seus conceitos. Se a garota ainda nem beijou na boca, como pode sequer pensar em um compromisso eterno? Armada com uma autoconfiança recém-adquirida, Jessica passa por uma transformação drástica de adolescente nerd americana para princesa vampira europeia nessa sátira cheia de reviravoltas e surpresas.

Jéssica esta no ensino médio e é a típica garota comum e sofre bastante com as zoações dos colegas de classe por ter uma família, digamos, fora dos padrões (vegana, naturalista em excesso e cheia de não me toques).

Ela levava sua vida tranquilamente, só pensava em entrar em uma boa faculdade, vencer a olimpíada de matemática e um campeonato com o seu cavalo. Além é claro de conquistar o coração de Jake. Tudo corria perfeitamente bem até que, no começo do seu último ano escolar, surge um novo aluno, Lucius Vladescu. Lucius é um príncipe vampiro e veio até Jéssica para que um 'pacto' assinado entre suas famílias fosse cumprido. O pacto estabelecia que os dois deveriam se casar assim que Jéssica completasse 18 anos para selar a paz entre dois clãs vampiros. 

A princípio Jéssica se nega a cumprir o acordo, já que não acredita na existência de vampiros e nem nas palavras de Lucius. Na tentativa de fazer Jéssica aceitar cumprir o pacto, Lucius descobre que seu Tio tem planos 'especiais' para a futura princesa. A partir desse momento ele tenta a todo custo proteger a garota. 

Jéssica é aquela personagem que sempre se sente mal com sua aparência, ela tem medo de engordar, fica tentando alisar o cabelo e por ai vai. E Lucios é um cara bacana, ele gosta dela como ela é, ele chega querendo que ela mude tais hábitos, e ensina que ela não precisa disso tudo pra se sentir bem, basta ela ser confiante. A jovem fica cada vez mais encantada com o carinho de Lucius, suas palavras doces e sinceras, seu jeito vivaz e o modo como ele faz com que ela se sinta bem, se sinta amada, confortada e protegida. Mas parece que alguém vai entrar no seu caminho e Jéssica terá que saber lidar com isso. 
Seus lábios mal tocaram os meus e uma ânsia me rasgou ao meio, como o desejo por aquele chocolate luxuriante, irresistível, proibido no sonho. (...) Ele era tudo o que eu não queria. O cara achava que era um vampiro. Mesmo assim eu pressionava meu corpo contra o dele.
Eu amei esse livro, Lucius é um personagem fascinante, apaixonante, dono de um humor sarcástico que me conquistou. Ele sempre tem umas tiradas incríveis e apelidos fantásticos. Chorava de rir com as cartas que ele escrevia para seu tio Vasile, essa foi em minha opinião, a melhor parte do livro. 

Jéssica é uma personagem muito irritante, ela se deixar abalar com qualquer critica feita pelos colegas e não tem atitude nenhuma; ela não reage, fica sempre esperando que algo aconteça sem que ela precise tomar uma decisão. E quando ela resolver tomar a iniciativa faz pela maneira mais errada possível. 

A autora tem uma narrativa simples, adornada por ironias e sarcasmo, envolvente e deliciosa e por isso o livro corre de forma tão rápida. Os personagens são muito bem descritos e cativantes. 

Fiquei incomodada com o uso do nome da família "Dragomir". Esse nome aparece no livro Academia de Vampiros e não sei se a autora tirou o nome dai ou se o nome já é comum em livros de vampiros, mas achei que poderia ter sido mais criativo. 

Eu já li o segundo livro da série e também o conto e adoro tudo, gosto muito da escrita da autora e do enredo diferente que ela criou, fico triste em ver que o livro não fez tanto sucesso quanto merecia aqui no Brasil. Acho que as pessoas ficaram tão saturadas de enredos de vampiro que acabam rejeitando tudo o que tem vampiro no nome, sem nem mesmo dar uma chance. 

Às vezes é preciso esquecer esse tipo de coisa e focar mais no enredo. No caso dessa série o enredo é muito bom, os personagens são legais e não vejo porque não dar chance a isso. 

Enfim, eu recomendo muito o livro, até mesmo para quem não gosta de livros sobrenaturais, esse é um livro muito leve e mais puxado para o gênero juvenil.



1 comentários:

Write comentários
2 de agosto de 2015 09:10 delete

Amei a resenha do livro e fiquei bem curiosa pela leitura.

http://idealizandolivros.blogspot.com/

Reply
avatar

Obrigado por comentar!