Resenha: Feitiço

14:55 3 Comments A+ a-




Livro: Feitiço
Autor: Sarah Pinborough
ISBN: 978-85-67028-05-7
Editora: Única

Parece que o sonho de todas as meninas está para se realizar: à procura da esposa perfeita, o príncipe decidiu criar um baile para apreciar as moças de seu reino. É a oportunidade de conhecer a realeza e o tão sonhado castelo e, quem sabe, descolar um casamento real. O alvoroço é grande, as jovens preparam seus melhores vestidos e seus pais apostam todas as economias para fazer com que suas filhas brilhem. Parece que o povo se esqueceu dos problemas do reino em função da festa. Para Cinderela, uma jovem cheia de grandes ambições, essa é a chance perfeita de se livrar de sua madrasta e das irmãs que nunca reconheceram a princesa que se escondia atrás de louças e baldes de limpeza. Cansada de ser a meia-irmã oprimida, ela encontra em uma “fada madrinha” uma aliada. Mas o que parece ser um conto de fadas vai, aos poucos, se transformando em uma terrível realidade quando favores são cobrados e o que está por trás das cortinas de seda do castelo surge. Para esse sonho se realizar, existe um preço alto e quem está disposto a pagar se tornará refém de seus impulsos.

Cinderela nunca foi minha preferida. Quem me conhece sabe que gosto mesmo da Branca, mas Feitiço se saiu melhor que Veneno. E muito! Quem leu a resenha de Veneno, entende quando eu digo que, dessa vez, Sarah Pinborough não se perdeu! 

Como antes, a história não sai muito da linha do conto de fada que todos conhecemos. Cinderela é a ovelha negra da família, menosprezada, dando lugar às suas meias-irmãs. Dois grandse bailes no castelo se aproximam e Ivy, a irmã já casada, ajuda Rose, a outra, a se produzir para tais eventos, pois, sendo casada com um conte, tem mais condições para comprar vestidos e tudo o que é necessário.

Cinderela nunca achou suas irmãs muito bonitas, mas aos poucos ela percebe que são apenas mal cuidadas, pois o dinheiro consegue torná-las belas. Quando chega, então, o dia do primeiro grande baile, Cinder' recebe a visita de uma "fada madrinha", que lhe entrega o necessário para que ela vá ao baile e conquiste o príncipe, mas tudo tem seu preço.

No baile, Cinderela logo conquista o príncipe, tirando Rose, a garota que estava mais à frente, do seu caminho. No segundo baile, ele continua tão fascinado por ela quanto antes. Mas, durante a saída dela, que tem sempre que ser à meia-noite, ela deixa para trás um sapatinho de diamante, o que leva o príncipe a encontrá-la para então se casarem.

Já dentro do castelo, Cinderela agora terá que pagar o preço pedido pela fada madrinha e, fazendo isso, descobre coisas que preferia não ter descoberto.

Achei incrível a forma como a autora interligou as duas histórias (a de Veneno e a de Feitiço)! Ficou incrível a mistura dos dois contos de fadas e não vejo a hora de ler Poder! Apesar de ter achado a Cinderela meio safada, gostei bastante da trama e da narração. Como antes, o livro continua muito bem diagramado e produzido. Só teve uma coisa que me incomodou, e bastante, mas não vou contar porquê foi no final e não quero dar spoiller! Muitas pessoas não gostaram tanto que Veneno, pelo que eu ouvi falar, mas peço que não desanimem e leiam Feitiço, pois irão deixar para trás qualquer preconceito!



3 comentários

Write comentários
Unknown
AUTHOR
30 de novembro de 2013 14:37 delete

Não havia lido nenhuma resenha de "Feitiço" ainda, mas pelo jeito parece ser bem interessante, e você acabou se surpreendendo...
Na minha opinião em relação às capas prefiro a de Veneno.
Beijos, Thaynara
http://livroscombolinhos.blogspot.com.br/

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
1 de dezembro de 2013 16:50 delete

Não li feitiço, mas depois da resenha desse livro, quero os dois, nossa contos de fadas são perfeitos, eu queria saber que fada vai ser o Poder, pois a Branca de Neve já foi e a Cinderela, fiquei curiosa !

http://meulivromeutudo.blogspot.com.br/

Reply
avatar
Victor Rosa
AUTHOR
11 de dezembro de 2013 14:49 delete

Ta vendo, eu disse que que é necessário dá uma chance a continuação.
O livro me lembrou mt Once Upon A Time, onde cinderela tinha que pagar um preço pela conquista, mas n era para fada e sim para Rumple!
Super Abraço,
Victor Rosa - Encantos Paralelos

Reply
avatar

Obrigado por comentar!